Você é um Resolvedor?

Sabe qual o profissional mais desejado pelo mercado de trabalho no mundo? Você pode até pensar em Programador, Designer, Advogado, Médico, Cientista… Este profissional não tem um título ou formação específica, ele tem que ter uma característica pouco encontrada atualmente, uma característica fundamental… Ser um resolvedor de problemas.

Os títulos não valem mais nada se você só consegue repetir procedimentos e cumprir ordens de quem só repete procediemntos. As empresas e a sociedade precisa de mais, muito mais. Temos que ser capazes de resolver problemas, os nossos e os das outras pessoas. É muito triste você olhar para uma grande empresa e enxergar pouquíssimos funcionários que sejam resolvedores, na sua maioria são complicadores. Até a mais simples e cotidiana atividade se torna um fardo. São desprovidos de bom senso, de humildade, o que os impede até de usar a lógica algumas vezes. Digo a vocês que não são as instituições de ensino tradicionais que formam os resolvedores…  Atitude, vontade de fazer mais, ambição, vontade de fazer o bem, bom caráter, isso sim forma um resolvedor. Existem ferramentas para nós nos tornarmos resolvedores.

Podemos treinar, fazer exercícios para essa tarefa, o trabalho é árduo mas recompensador.  Geralmente quando nos deparamos com um problema queremos resolvê-lo imediatamente, temos que pensar sobre ele um pouco, pois, provavelmente,  as informações necessárias para tratar a questão você não tem… É agora? Calma.  Na serenidade que começa a técnica do resolvedor. Pense no problema, elabore objetivos de resolução, pesquise e leia sobre o assunto, responda esses objetivos com sua pesquisa e teste a resolução. A probabilidade de você estar no caminho certo é altíssima. Com o passar do tempo e a experiência adquirida, você fará todos esses passos mentalmente e se tornará o profissional mais procurado do mundo, o que soluciona inconvenientes e não os cria. Infelizmente, ainda é bem raro. Quando disserem para você: “Eu tenho um problema!” Você responderá: “Meu sobrenome é solução”. E todo esse poder é apenas uma questão de escolha.

Abraço

Vasco Patú

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *