Como a educação vai nos levar até a excelência


No Brasil observamos um fenômeno quando falamos em prestação de serviços e atendimento ao público. Esse fenômeno se chama descaso… Nós nos acostumados a ter o mínimo, a pensar que pior não pode ficar.  Estamos errados, muito errados! A tendência à mediocridade está amarrada a nossa cultura de uma maneira assustadora.

Infelizmente a forma como fomos educados (educação industrial) nos faz pensar que ser médio está bom… São anos e anos de sala de aula, do ensino infantil até a pós graduação provando por A mais B que está na média é o bastante, que dá para passar sem muito esforço.

Acredito que cada um de nós temos uma história de péssimo atendimento para contar, de descaso, má educação ou ignorância. Essa realidade é assustadora!

Temos uma missão como educadores aqui no Brasil… Sei que cada professor que está lendo esse texto agora quer algo a mais… Mais valorização da sua profissão, maiores salários, mais respeito, mais tempo,  mais aprendizagem. Para isso temos que primeiramenre olhar para nós mesmos e nos perguntar… Estou desempenhando meu papel na sociedade de maneira excelente? A resposta sendo sim, parabéns! Continue e espalhe a excelência por onde passar, seja exemplo, pois nada é mais poderoso que o exemplo para gerar aprendizado. A resposta sendo não ou se ficou em dúvida… Trabalhe para atingir a excelência, não vamos mais culpar o governo, os administradores de universidades, os coordenadores. Nós somos donos do nosso destino e temos nas nossas mãos um dos bens mais preciosos do mundo… O dom de gerar competências em quem precisa aprendê-las.

A era do conhecimento passou… Temos que entrar de vez na era da aprendizagem. Quem mais do que nós professores pode guiar essa nação para excelência? Ninguém.

Novas possibilidades se abrem nesse século, metodologias ativas, o ensino híbrido, ensino Online, redes sociais para educação… Temos que dominar essas ferramentas, sermos curadores do conhecimento e transformar nossa educação em uma geradora de excelência.

Quem está comigo nessa?

Abraço

Vasco Patú

CEO e Fundador

Iniciare Educação Criativa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *